quinta-feira, 18 de setembro de 2008

O Mar

O mar...fonte das mais belas imagens que podemos imaginar, esta que está acima é um exemplo..O mar local de grande biodiversidade e fonte de muitas perguntas...também ao que se sabe esteve na origem da vida. O mar...local paradisíaco...explorado seja na extracção de riquezas, seja na ocupação de tempos livres...


O mar...é também uma grande força da Natureza...incontrolável e poderosa...capaz de destruição, capaz de propiciar a prática desportiva. Ninguém consegue controlar a sua força e imprevisibilidade.


Pois é mar é sinónimo de muita coisa...força, poder, mistério...vida...riqueza...tantos mais!
Vejam se não conseguem encontrar na vossa vida todas estas palavras...teremos a força do mar?o poder das suas ondas?o mistério das suas profundidades?a vida que ele consegue albergar?
O ser humano é dos seres mais fortes...pois muitas vezes na sua vida "cai", bate no fundo e consegue arranjar forças para se erguer...é certo que não é força comparável à das ondas...mas é uma força também ela muito forte, ainda que a do ser humano consiga ser mais controlada que a do mar. Poder...essa é a maior sede do ser humano...pelo poder o Homem é capaz das maiores atrocidades...é capaz de espezinhar os seus semelhantes...e nem se comover com isso...algo que no reino animal, mais nenhuma espécie é capaz de fazer.
A vida humana tem no seu revestimento um manto de mistério...cada um de nós é único e para que se consiga conhecer um pouco daqueles que nos rodeiam também nós temos que nos dar a conhecer...O mistério por outro lado faz com que procuremos respostas...procuremos novos caminhos...podemos mesmo dizer que o mistério acaba por orientar a nossa vida...quem não gosta de um belo mistério?
A nossa vida tem também mais semelhanças com o mar...veja-se...tal como o mar apaga na areia os traços que fazemos...as marcas que deixamos ao passar...na nossa vida também vemos pessoas que com muita facilidade apagam as marcas deixadas por outras na sua vida. Tal como o mar também nos revestimos de beleza inigualável e isso faz com que os outros nos queiram "explorar".
Sejamos como o mar, fonte de inspiração...fonte de força...fonte de vida...não sejamos como o mar que apaga tudo na sua passagem, mas sim guardemos essas marcas pois são elas que nos constroem e nos fazem seres fantásticos!

2 comentários:

carmem Lucia disse...

Meu querido amigo, vou eleger este teu poema como um dos melhores.
Porque ele me fez parar e pensar,se pode haver alguma semelhança entre dois gigantes: o mar e o ser humano.
Acho que tem razão,temos semelhanças com o mar,principalmente em relação aos mistérios. mas será que somos tão fortes como ele?

Caroteno disse...

Querida amiga, de quem aprecio os comentários...é pena não haver mais gente a participar...
São realmente dois grande gigantes...no fundo dois gigantes incontroláveis, cada um no seu espaço.
Quando se consideram incontroláveis é sinal que são duas forças imensas...por isso embora de diferentes formas penso que são ambos muito fortes...e muito difícil de comparar as suas forças