domingo, 7 de dezembro de 2008

O doce desejo vermelho...



Voluptuosa avanças para mim...
Embacias o meu olhar com doces pétalas de desejo...
Recobres o seio outrora descoberto... descoberto pela minha mão!
Momento memorável e altivamente relembrado!...
Espaçadamente por entre momentos de lucidez...
Localizo a linha do teu corpo...
Harmonioso... coerente... aprazível...
Oh!.. musa minha... que incendeias o meu corpo!

Consumido de ânsia... de desejo...
Olhos que nada mais querem ver!
Redirecciono todo o meu ser rumo ao teu corpo!...

Deleito-me na tua silhueta...
Ostensivamente precipito-me para ti!...

Pego na tua mão
Entrelaço os meus dedos nos teus
Calcorreamos juntos o teu rosto...
Avançamos para o pescoço...
Descemos...descemos um pouco mais...
Os dois sentimos o teu corpo estremecer!...

Electricamente a tua pele acaricia as nossas mãos!...

Descemos... ao mesmo tempo que subimos...
Orientados pelo paixão perdemos o controlo!...

Desejo... paixão... prazer...
Erotismo... as palavras escasseiam...
Separamos as mãos... unimos os corpos...
Exponencialmente perdemos o controlo próprio!...
Jovialmente desobstruo os nossos corpos...
O suor liberta-se... a chama aumenta... e o prazer eclode!...

6 comentários:

acostac disse...

Temo que, dentro de algum tempo, este "site" venha a ser comprado pela Playboy ou então pelo Ministério da Saúde. Pois isto até dá vida aos mortos!

acostac disse...

Ena pá! Aleluia! Consegui enviar um comentário!

sílvia disse...

Uma bela forma,ousada,erotica ate,mas mt sensual e respeitadora de descrever um momento unico onde dois corpos se encontram...
Um momento onde como dizes e bem, as palavras escasseiam para descrever o quanto é belo e sentido...

Carlos disse...

Belo, como todos os outros.

carmemlucia disse...

Um poema ardente ,intenso como a própria imagem mostra.
Uma descrição exata da sensibilidade da pele.do sentir:
Prazer e realização.
Entrega e posse.
Submissão e dominação.
Quem tiver a honra de ler este poema, certamente pode pegar carona e viajar [sonhar] junto com tamanha sensualidade e ternura dos sentimentos.

More Than Words disse...
Este comentário foi removido pelo autor.