segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Poeta... Escritor... Homem...



Poeta, esse ser indescritível...
Oráculo do que não pode ser pronunciado!
Escreve, descreve os sentimentos...
Transpira sentimentalidade,
Alimenta os corações mais abatidos!...

Escritor, ser que cria mundos e personagens...
Segura a sua caneta com firmeza
Cativa o leitor pela beleza da sua escrita...
Recria histórias! Reinventa vidas...
Imagina...e vive as histórias por si criadas
Tudo nele é possível! Tudo para ele é possível...
Ostenta o poder da escrita...a escrita universal!
Regido pela imaginação e não tanto pelos sentimentos!

Homem, está acima do poeta ou do escritor...
Ocupa o centro de toda a escrita...
Marcado pela vida...pelo bom e pelo mau!...
Envolto em mistério...envolto em paixão...
Marcado pelos sentimentos que lhe tiram a razão!...

1 comentário:

inesargola disse...

Parabéns pelo blog! tá a ficar cada vez melhor!

bjinhs