sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Se tu fosses...




Se tu fosses uma flor...

...eu queria ser um beija-flor...sempre a beijar a suavidade do teu rosto e admirar a beleza do teu sorriso.

Se tu fosses um rio...

...eu queria ser o leito que te acolhia e acompanhava em todos os momentos da tua vida.

Se tu fosses um raio de luz...

...eu seria uma gota de água...à espera de ser trespassado pela tua luz para assim poder ilustrar a beleza das tuas cores.

Se tu fosses um olhar...

...eu queria ser a alma...da qual serias o seu espelho.

Se tu fosses uma árvore...

...eu queria ser uma ave que nos teus ramos seria acolhida e onde encontraria o refúgio e a felicidade que procuro.

Se tu fosses um sentimento...

...eu queria viver esse sentimento...senti-lo...recebê-lo...

Se tu fosses um sonho...

...eu nunca mais queria acordar, para assim estar sempre contigo.


Não és nada disso...ou no fundo e aos meus olhos acabas por ser um pouco de tudo...és uma mulher amável...meiga...doce...eu apenas um homem que te adora e que deseja poder fazer parte da tua vida!...

4 comentários:

More Than Words disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
António Luís disse...

Bem escrito!
Temos poeta, sem medo das palavras e do seu recheio de significados, alguns deles que levam a pequenos atalhos de cabras, outros a avenidas rumo ao infinito!...

Bom fim de semana!

More Than Words disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Drêycka disse...

..ah o amor...