quinta-feira, 30 de abril de 2009

Agressivo...


Meus olhos contemplaram...
Aquilo que muitos nunca verão...
Viram a beleza do teu sorriso...
O brilho do teu olhar...
A luz do teu leve andar...
Tiveram o prazer de vislumbrar
A beleza que nada pode igualar!
Por isso ofereço-te os meus olhos...
Muito viram até a ti descobrirem...
Nada mais querem ver... mais belo irão encontrar!

Minha boca procurou palavras...
Vociferou adjectivos...
Sussurrou versos de amor...
Perdeu-se nas letras... encontrou-se nas palavras...
Aquelas que procuram desenhar-te...
E assim dar-te a conhecer ao mundo!
Palavras não chegam...
E mais nenhuma quero proferir...
Depois de dizer que te amo...
A minha língua te ofereço,
E nada mais irei declarar!

Ofereci-te o que de melhor eu tinha...
Pouco! mas muito sincero...
Sentimentos profundos...
Dedicação e desejo...
Lealdade e honestidade!
Esse amor decidiste matar...
Com ele morri também...
Nasceu aquele que hoje escreve...
Renasceu aquele que em tempos adormeceu...

3 comentários:

carmemlucia disse...

È nem todos conseguem ver alèm do que seus olhos vêem. Não enchergam com os olhos da alma ou de alguem que estando apaixonado consegue distinguir tão bem.
Palavras? para que se os olhos podem falar!
Nada é pouco quando é ofertado com o coração,nada precisa ser dito.
Se não foi aceito é porque talvez tenha sido um equìvoco a oferta.
Nem tudo na vida se faz merecedor da nossa disponibilidade,ou do nosso tempo gasto. Bem vindo aquele que um dia se fez ausente,
Texto que mexeu fundo comigo.
Teu poder de me deixar assim é grande Filipe!! hehehe
beijinhos meu querido amigo
Adorei este teu texto de verdade.
Está se tornando um expert em deixar teus leitores fascinados com o que escreve.

Drêycka disse...

Um texto ímpar para imagens impressionantes!

;) loved it!

Caroteno disse...

Sei que a selecção de imagens caiu em algumas que podem ferir algumas susceptibilidades, mas penso que ao lerem as palavras as imagens serão apenas ilustração e não o mote do texto!

É com muito agrado que registo as vossas visitas, sei que têm acompanhado este pequeno projecto desde muito cedo!

Drêycka, o projecto das divas está muito interessante, parabéns por mais esse projecto que abraçaste...

Carmem, tal como te disse, toda essa mudança ou capacidade para a escrita desta forma tem um pouco de ti também...foram as tuas primeiras críticas construtivas que me fizeram mudar e abraçar esta forma de escrita.Muito obrigado.

;)