segunda-feira, 29 de junho de 2009

Sobre a tela...


Sobre a tela fiz o Sol brilhar...
Um amarelo vivo e radiante lhe deu vida...
Na delicadeza de leves traços...
Com a mistura de várias cores...
No branco nasceu um corpo...
O corpo que desfrutava do sol...
Sobre a tela nasceste...
Mais brilhante que o residente Sol...
Toda a luz do quadro residia agora nele...
Poderia nascer toda a obra...

1 comentário:

Nokas disse...

Ora ora...já há mt tempo que não dava o ar da minha graça, hehe...
Um beijinho grande e continua sp com estes textos magnificos