sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Vejo-te aqui...


Neste momento em que sozinho me sinto...
Baixo os olhos... instintivamente eles recaem sobre a minha mão...
Esboço um sorriso... primeiro muito ténue... depois um sorriso interior...
Não estou sozinho... como pude pensar dessa forma...
Sim!... estás aqui... eu sei... eu sempre soube...
Toco-te levemente... como acariciando o teu rosto...
O meu coração pula e bate muito mais forte...
Como é possível sentir-me assim?...
Onde estava este sentimento durante estes anos todos?
Esperava por ti... sim sem qualquer dúvida...
Em ti sinto-me...
Em ti vivo...
Em ti que me fizeste renascer...
Ou simplesmente viver...
Estamos unidos de forma que ninguém entende...
Nós sabemos o que nos une...
Nós vivemos o que nos une...
As migalhas que nos separam... são exactamente migalhas...
Migalhas de um pão que nunca solta migalhas...
Somos um do outro...
Se podia viver sem ti...
Sim podia... mas nunca seria a mesma vida!...

Sem comentários: