sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Fim de Ano...



Neste último dia deste ano de 2010...
Quando os momentos de festejar se aproximam...
É tempo de olhar...
Ver o ano que passou...
Tantos momentos maravilhosos...
Muitas tristezas...
Muita solidão...
Muito trabalho...
Enfim...
Um ano que passa...
Uma vida que muda...
Com este fim de ano...
Eu vou festejar...
A mudança que em ti fui encontrar...
Festejar a alegria e a felicidade...
Festejar este doce amar!...
No fim deste ano...
Levo comigo para o próximo...
O que de melhor este teve...
E tive-te a ti...
Disse-te e repito...
O melhor de 2010...
Em ti eu vivi...
Em ti eu senti...
E contigo partilhei...
Venha o novo ano...
E com ele apenas te quero a ti...
Always and forever!...

Fim de Ano...



Neste último dia deste ano de 2010...
Quando os momentos de festejar se aproximam...
É tempo de olhar...
Ver o ano que passou...
Tantos momentos maravilhosos...
Muitas tristezas...
Muita solidão...
Muito trabalho...
Enfim...
Um ano que passa...
Uma vida que muda...
Com este fim de ano...
Eu vou festejar...
A mudança que em ti fui encontrar...
Festejar a alegria e a felicidade...
Festejar este doce amar!...
No fim deste ano...
Levo comigo para o próximo...
O que de melhor este teve...
E tive-te a ti...
Disse-te e repito...
O melhor de 2010...
Em ti eu vivi...
Em ti eu senti...
E contigo partilhei...
Venha o novo ano...
E com ele apenas te quero a ti...
Always and forever!...

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Tu...



Tu maravilhas-me...
Desde o dia em que conheci o brilho do teu olhar...
Em que senti a luz e o calor do teu sorriso!...
Tu atrapalhas-me...
Quando contigo estou sinto o pensamento voar...
Fugindo de mim...
Libertando-se e correndo ao teu encontro...
Tu enlouqueces-me...
Deixas-me louco de desejo...
De teus lábios voltar a beijar...
De em ti de novo me banquetear...
Tu cegas-me...
Com o brilho do teu olhar...
Com a luz do teu sorriso...
Cegas-me com o teu olhar...
Com o teu jeito de andar...
Com a tua forma de viver!...
Tu confundes-me...
Baralhas-me o pensamento...
Deixas-me sem palavras...
Sem ar dentro dos meus pulmões!...
Tu apaixonas-me...
A cada dia que passa de ti gosto mais...
Enfeitiças-me com o teu olhar...
Apaixonas-me com o teu beijar...
Com a intensidade do teu amar!...
Tu inspiras-me...
Levas-me a palavras nunca ditas...
A pensamento nunca tão altos...
Inspiras-me a escrever...
Levas-me até onde quero chegar...
E tudo porque TU és a mulher que sempre quero amar!...

Tu...



Tu maravilhas-me...
Desde o dia em que conheci o brilho do teu olhar...
Em que senti a luz e o calor do teu sorriso!...
Tu atrapalhas-me...
Quando contigo estou sinto o pensamento voar...
Fugindo de mim...
Libertando-se e correndo ao teu encontro...
Tu enlouqueces-me...
Deixas-me louco de desejo...
De teus lábios voltar a beijar...
De em ti de novo me banquetear...
Tu cegas-me...
Com o brilho do teu olhar...
Com a luz do teu sorriso...
Cegas-me com o teu olhar...
Com o teu jeito de andar...
Com a tua forma de viver!...
Tu confundes-me...
Baralhas-me o pensamento...
Deixas-me sem palavras...
Sem ar dentro dos meus pulmões!...
Tu apaixonas-me...
A cada dia que passa de ti gosto mais...
Enfeitiças-me com o teu olhar...
Apaixonas-me com o teu beijar...
Com a intensidade do teu amar!...
Tu inspiras-me...
Levas-me a palavras nunca ditas...
A pensamento nunca tão altos...
Inspiras-me a escrever...
Levas-me até onde quero chegar...
E tudo porque TU és a mulher que sempre quero amar!...

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Sou feliz...



Sou feliz...
Quando contigo estou...
Sou feliz...
Porque as linhas da vida te deram a conhecer...
Sou feliz...
Sentindo a vida a correr dentro de mim...
Vivendo esta felicidade que me deste a conhecer...
Me fizeste sentir...
Desejar...
Partilhar...
Sou feliz...
Porque fazes parte da minha vida...
Porque faço parte da tua...
Porque partilhamos e vivemos momentos juntos...
Sou feliz...
E quero ser mais...
Viver o dia-a-dia contigo...
Contigo acordar...
A ti me abraçar...
Os teus lábios beijar!...
Sou feliz e quero continuar a sê-lo a teu lado!...

Sou feliz...



Sou feliz...
Quando contigo estou...
Sou feliz...
Porque as linhas da vida te deram a conhecer...
Sou feliz...
Sentindo a vida a correr dentro de mim...
Vivendo esta felicidade que me deste a conhecer...
Me fizeste sentir...
Desejar...
Partilhar...
Sou feliz...
Porque fazes parte da minha vida...
Porque faço parte da tua...
Porque partilhamos e vivemos momentos juntos...
Sou feliz...
E quero ser mais...
Viver o dia-a-dia contigo...
Contigo acordar...
A ti me abraçar...
Os teus lábios beijar!...
Sou feliz e quero continuar a sê-lo a teu lado!...

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Miss You...



Miss you...
Como explicar...
Quando não estou contigo...
Penso em ti...
Quando tenho que de ti me afastar...
Sinto o meu coração a quebrar...
Quando estou um segundo sem te beijar...
Sinto o meu corpo por inteiro a secar...
Sinto a tua falta...
Quero a tua presença...
Quero-te...
Desejo-te...
A saudade aperta no meu peito...
O meu pensamento voa para junto de ti...
Medito nos momentos que vivemos...
Sinto os sentimentos que sentimos!...
Sou feliz...
Mesmo quando de ti sinto tantas saudades!...
A saudade que te deu a conhecer...
A saudade que me mostra o meu sentir...
Tenho saudade...
Vem de novo para junto de mim...
Minha querida felicidade!...

Miss You...



Miss you...
Como explicar...
Quando não estou contigo...
Penso em ti...
Quando tenho que de ti me afastar...
Sinto o meu coração a quebrar...
Quando estou um segundo sem te beijar...
Sinto o meu corpo por inteiro a secar...
Sinto a tua falta...
Quero a tua presença...
Quero-te...
Desejo-te...
A saudade aperta no meu peito...
O meu pensamento voa para junto de ti...
Medito nos momentos que vivemos...
Sinto os sentimentos que sentimos!...
Sou feliz...
Mesmo quando de ti sinto tantas saudades!...
A saudade que te deu a conhecer...
A saudade que me mostra o meu sentir...
Tenho saudade...
Vem de novo para junto de mim...
Minha querida felicidade!...

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Loucuras...



Silencioso...
Tudo ao nosso redor ficara mudo...
Desaparecendo debaixo dos nossos olhares...
Apenas eu e tu...
E aquele calor que nos abraçava...
Os teus lábios chamaram os meus...
Acedi ao seu pedido...
Entreguei-te os meus...
As nossas línguas tocaram-se...
Enrolaram-se...
Os nossos corpos colaram-se...
O desejo apoderou-se de nós...
Toquei-te...
Senti-te desejar mais e mais...
Senti o teu toque...
Viste que o desejo era igual..
A loucura... o desejo do momento...
Fez-nos viajar...
O tempo e o local foram esquecidos...
Apenas eu e tu numa viagem inesquecível...
Toquei-te... e a viagem começou...
Senti-te tremer... senti-te vibrar...
Provei-te e em ti me queria deliciar...
Tu tocaste-me...
Sentiste-me vibrar...
Viste o desejo crescer em mim...
Estávamos prontos para mais altos voos...
Senti entrar no teu desejo...
Todo o teu calor incendiou-me...
As chamas do prazer envolveram-nos...
Sim... e mais... e mais...
Juntos vibrámos...
Viajámos como um corpo único incandescente...
Ardendo nas chamas do desejo... do prazer... da loucura!...
Éramos apenas um do outro...
Nada mais existia para além de nós...
Os nossos corpos suados...
Ardendo bem fundo no seu interior...
Entrelaçados... encaixados um no outro...
Formando um corpo único...
Fomos capazes de viajar para lá das nuvens...
Gemendo de prazer...
Os nossos corpos arquearam-se...
As pupilas dilataram...
O coração acelerou ao ponto de quase explodir!...
Um último gemido...
Por um prazer sentido...
Num momento único vivido...
E eu e tu sorrimos...
Depois de esta loucura vivida...

Loucuras...



Silencioso...
Tudo ao nosso redor ficara mudo...
Desaparecendo debaixo dos nossos olhares...
Apenas eu e tu...
E aquele calor que nos abraçava...
Os teus lábios chamaram os meus...
Acedi ao seu pedido...
Entreguei-te os meus...
As nossas línguas tocaram-se...
Enrolaram-se...
Os nossos corpos colaram-se...
O desejo apoderou-se de nós...
Toquei-te...
Senti-te desejar mais e mais...
Senti o teu toque...
Viste que o desejo era igual..
A loucura... o desejo do momento...
Fez-nos viajar...
O tempo e o local foram esquecidos...
Apenas eu e tu numa viagem inesquecível...
Toquei-te... e a viagem começou...
Senti-te tremer... senti-te vibrar...
Provei-te e em ti me queria deliciar...
Tu tocaste-me...
Sentiste-me vibrar...
Viste o desejo crescer em mim...
Estávamos prontos para mais altos voos...
Senti entrar no teu desejo...
Todo o teu calor incendiou-me...
As chamas do prazer envolveram-nos...
Sim... e mais... e mais...
Juntos vibrámos...
Viajámos como um corpo único incandescente...
Ardendo nas chamas do desejo... do prazer... da loucura!...
Éramos apenas um do outro...
Nada mais existia para além de nós...
Os nossos corpos suados...
Ardendo bem fundo no seu interior...
Entrelaçados... encaixados um no outro...
Formando um corpo único...
Fomos capazes de viajar para lá das nuvens...
Gemendo de prazer...
Os nossos corpos arquearam-se...
As pupilas dilataram...
O coração acelerou ao ponto de quase explodir!...
Um último gemido...
Por um prazer sentido...
Num momento único vivido...
E eu e tu sorrimos...
Depois de esta loucura vivida...

domingo, 26 de dezembro de 2010

Linda...



Mais palavras para quê!!... _Ouçam e deliciem-se com este magnífico tema!

Linda...



Mais palavras para quê!!... _Ouçam e deliciem-se com este magnífico tema!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Natal...



Tudo o que quero neste Natal és tu... não importa a cor do laço... o tipo de papel de embrulho... apenas quero sentir esta felicidade dia após dia!...

Natal...



Tudo o que quero neste Natal és tu... não importa a cor do laço... o tipo de papel de embrulho... apenas quero sentir esta felicidade dia após dia!...

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Ardente...



Ardente o teu beijo...
Que me queima por dentro...
Que me faz ferver...
Que me faz desejar...
Para sempre contigo ficar!...
Ardente o teu corpo...
Que me faz renascer...
Para em ti me voltar a perder...
Que me faz sonhar...
Que me leva a sentir...
Ardente esse teu doce olhar...
Que me seduz...
Que me cativa e prende a ti...
Que me alimenta com doce mel...
Ardente o teu toque...
Que me faz faltar o ar...
Que me deixa a suspirar...
Ardente és tu...
Contigo me quero consumir em chamas ardentes!...

Ardente...



Ardente o teu beijo...
Que me queima por dentro...
Que me faz ferver...
Que me faz desejar...
Para sempre contigo ficar!...
Ardente o teu corpo...
Que me faz renascer...
Para em ti me voltar a perder...
Que me faz sonhar...
Que me leva a sentir...
Ardente esse teu doce olhar...
Que me seduz...
Que me cativa e prende a ti...
Que me alimenta com doce mel...
Ardente o teu toque...
Que me faz faltar o ar...
Que me deixa a suspirar...
Ardente és tu...
Contigo me quero consumir em chamas ardentes!...

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Provoca-me...



Provoca-me com o teu olhar...
Incendeia em mim o desejo ardente de em ti me queimar...
Faz o meu sangue ferver com o teu sussurro no ouvido...
Queima a minha carne com a tua lambidela atrevida...
Provoca-me esse desejo que só tu sabes provocar...
Faz o meu corpo palpitar pelo teu...
Faz-me perder o controlo...
Desejar mais e mais...
Provoca-me a secura nos lábios...
As gotas de suar escorrendo pelos nossos corpos...
Provoca-me...
Dá-me asas para voar...
Faz-me sentir e desejar mais e mais...
Agarra-me...
Arranha-me...
Marca-me como a tua marca de amor...
Faz do meu corpo o teu veículo...
E juntos vamos viajar...
Iremos juntos...
Iremos longe...
Provoca-me esta sede de em teus lábios me embebedar!...
Embriagar com o teu suco de amor!...

Provoca-me...



Provoca-me com o teu olhar...
Incendeia em mim o desejo ardente de em ti me queimar...
Faz o meu sangue ferver com o teu sussurro no ouvido...
Queima a minha carne com a tua lambidela atrevida...
Provoca-me esse desejo que só tu sabes provocar...
Faz o meu corpo palpitar pelo teu...
Faz-me perder o controlo...
Desejar mais e mais...
Provoca-me a secura nos lábios...
As gotas de suar escorrendo pelos nossos corpos...
Provoca-me...
Dá-me asas para voar...
Faz-me sentir e desejar mais e mais...
Agarra-me...
Arranha-me...
Marca-me como a tua marca de amor...
Faz do meu corpo o teu veículo...
E juntos vamos viajar...
Iremos juntos...
Iremos longe...
Provoca-me esta sede de em teus lábios me embebedar!...
Embriagar com o teu suco de amor!...

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Para ti...



Para ti...
Eu dirijo os meus passos...
Lanço os meus olhares...
Vocifero doces palavras...
Por ti...
Percorro as linhas de pensamento...
Busco-te no meu interior...
Elevo-te no interior do meu ser...
Em ti...
Vivo a felicidade...
No seio desta nossa cumplicidade...
Sempre guardada pela mais pura da verdade...
Nas tuas mãos meu coração deposito...
Entrego-te o meu bem mais precioso...
Para que o possas amar...
E a ele o teu ser dedicar...
Para ti desejo estas palavras...
Para que nelas possas ler-te...
Nelas te possas encontrar...
Meditar...
Apaixonar!...
Para ti eu escrevo...
Talvez mais do que devo...
Mas o meu coração manda continuar...
Pois não consegue parar de te amar!...

Para ti...



Para ti...
Eu dirijo os meus passos...
Lanço os meus olhares...
Vocifero doces palavras...
Por ti...
Percorro as linhas de pensamento...
Busco-te no meu interior...
Elevo-te no interior do meu ser...
Em ti...
Vivo a felicidade...
No seio desta nossa cumplicidade...
Sempre guardada pela mais pura da verdade...
Nas tuas mãos meu coração deposito...
Entrego-te o meu bem mais precioso...
Para que o possas amar...
E a ele o teu ser dedicar...
Para ti desejo estas palavras...
Para que nelas possas ler-te...
Nelas te possas encontrar...
Meditar...
Apaixonar!...
Para ti eu escrevo...
Talvez mais do que devo...
Mas o meu coração manda continuar...
Pois não consegue parar de te amar!...

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Se eu fosse...



Se eu fosse um dia o teu olhar...
Seria como um campo de flores...
Onde todas as abelhas viriam beber o mais doce néctar!...
Se eu fosse um dia as tuas mãos...
Teria o meu rosto nelas tatuado...
Seria o espelho do rosto da felicidade!...
Se eu fosse um dia um poema...
Cantaria a beleza do teu sorriso...
E como contigo me sinto no paraíso...
Não sou o teu olhar...
As tuas mãos também não!...
Mas neste pequeno poema...
A ti dedico toda a minha paixão..
Se eu fosse um dia...
Hoje é o dia em que sou...
Sou a pessoa mais feliz no mundo!...

Se eu fosse...



Se eu fosse um dia o teu olhar...
Seria como um campo de flores...
Onde todas as abelhas viriam beber o mais doce néctar!...
Se eu fosse um dia as tuas mãos...
Teria o meu rosto nelas tatuado...
Seria o espelho do rosto da felicidade!...
Se eu fosse um dia um poema...
Cantaria a beleza do teu sorriso...
E como contigo me sinto no paraíso...
Não sou o teu olhar...
As tuas mãos também não!...
Mas neste pequeno poema...
A ti dedico toda a minha paixão..
Se eu fosse um dia...
Hoje é o dia em que sou...
Sou a pessoa mais feliz no mundo!...

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Amo-te...



O que de mais simples pode existir...
O que de mais intenso posso sentir...
O Amor...
Esse sentimento que tantos querem descrever...
Tantos muitas vezes tentam conter!...
É intemporal..
Intenso... único... 
As palavras faltam...
Os pensamentos voam...
Penso em ti...
Cerro os olhos lentamente e sinto o teu aroma junto a mim...
Toco com a língua nos meus lábios que sabem ainda ao teu mel...
Sinto um fogo crescente dentro de mim...
O coração bate mais forte...
O sangue acelera ao percorrer-me...
Tu deixas-me assim...
Feliz e com um sorriso estúpido no rosto!...
Que poderei eu fazer...
O que poderei dizer...
Apenas amar-te aconteça o que acontecer!...
Sim... a ti que és...
A origem... 
O caminho...
E o destino desta felicidade plena!...
Amas-me e eu amo-te a ti...

Amo-te...



O que de mais simples pode existir...
O que de mais intenso posso sentir...
O Amor...
Esse sentimento que tantos querem descrever...
Tantos muitas vezes tentam conter!...
É intemporal..
Intenso... único... 
As palavras faltam...
Os pensamentos voam...
Penso em ti...
Cerro os olhos lentamente e sinto o teu aroma junto a mim...
Toco com a língua nos meus lábios que sabem ainda ao teu mel...
Sinto um fogo crescente dentro de mim...
O coração bate mais forte...
O sangue acelera ao percorrer-me...
Tu deixas-me assim...
Feliz e com um sorriso estúpido no rosto!...
Que poderei eu fazer...
O que poderei dizer...
Apenas amar-te aconteça o que acontecer!...
Sim... a ti que és...
A origem... 
O caminho...
E o destino desta felicidade plena!...
Amas-me e eu amo-te a ti...

domingo, 19 de dezembro de 2010

Santamaria...


És demais... mas o que sinto por ti nunca será demais!!!

Santamaria...


És demais... mas o que sinto por ti nunca será demais!!!

sábado, 18 de dezembro de 2010

Boss AC


Que cada um aproveite e dedique esta música à sua princesa... elas merecem!!! Sei que a minha princesa merece... por isso Princesa, esta música é para ti... e tu sabes!

Boss AC


Que cada um aproveite e dedique esta música à sua princesa... elas merecem!!! Sei que a minha princesa merece... por isso Princesa, esta música é para ti... e tu sabes!

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Resgata-me...



Fecha os olhos...
Deixa que a escuridão te embale...
Deixa que o meu corpo se cole ao teu...
Deixa o meu aroma encher-te os pulmões com a minha presença!...
Deixa que a minha luz te ilumine nessa escuridão...
Deixa-me resgatar-te desse sofá onde te deitas...
Vamos unir os nossos corpos e elevar-nos bem alto...
Vamos deixar que os nossos pensamentos se sobreponham...
Vamos voar para lá das nuvens...
E juntos vamos fazer tudo o que ainda não foi feito...
Deixa-me resgatar-te...
Fazer com que o nevoeiro de dúvidas se dissipe...
Fazer com que os meus braços sejam as tuas amarras...
Fazer com que o meu corpo seja mais que a tua salvação!...
Fazer com que os nossos passos sejam seguros...
Deixa-me resgatar-te...
E para junto de mim para sempre te levar!...

Resgata-me...



Fecha os olhos...
Deixa que a escuridão te embale...
Deixa que o meu corpo se cole ao teu...
Deixa o meu aroma encher-te os pulmões com a minha presença!...
Deixa que a minha luz te ilumine nessa escuridão...
Deixa-me resgatar-te desse sofá onde te deitas...
Vamos unir os nossos corpos e elevar-nos bem alto...
Vamos deixar que os nossos pensamentos se sobreponham...
Vamos voar para lá das nuvens...
E juntos vamos fazer tudo o que ainda não foi feito...
Deixa-me resgatar-te...
Fazer com que o nevoeiro de dúvidas se dissipe...
Fazer com que os meus braços sejam as tuas amarras...
Fazer com que o meu corpo seja mais que a tua salvação!...
Fazer com que os nossos passos sejam seguros...
Deixa-me resgatar-te...
E para junto de mim para sempre te levar!...

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Sem palavras...




Não tenho palavras para te dizer...
Como és importante para mim...
Como sinto a tua falta quando não estás...
Como quero sempre estar contigo!...
És o meu vício...
A minha perdição de viver!...
És o sol que aquece o meu dia...
Que brilha dentro do meu olhar!...
A lua que ilumina a minha noite...
Fazendo-me dançar debaixo do teu brilho...
O teu brilho é especial...
Quando sais à rua...
De noite as estrelas invejam o teu brilho...
Não tenho palavras para te dizer...
As palavras são apenas parte do que somos...
Do que sentimos e do que vivemos!...
És a minha liberdade...
O meu viver!...

Sem palavras...




Não tenho palavras para te dizer...
Como és importante para mim...
Como sinto a tua falta quando não estás...
Como quero sempre estar contigo!...
És o meu vício...
A minha perdição de viver!...
És o sol que aquece o meu dia...
Que brilha dentro do meu olhar!...
A lua que ilumina a minha noite...
Fazendo-me dançar debaixo do teu brilho...
O teu brilho é especial...
Quando sais à rua...
De noite as estrelas invejam o teu brilho...
Não tenho palavras para te dizer...
As palavras são apenas parte do que somos...
Do que sentimos e do que vivemos!...
És a minha liberdade...
O meu viver!...

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Gestos...



Uma pequena palavra...
Aquele silêncio escondido no olhar...
A carícia no teu rosto...
As entre linhas que só tu sabes ler...
O morder dos teus doces lábios!
A leveza do teu toque...
O doce olhar que tanto queres esconder...
O sorriso conquistador que teimas eu não querer revelar!...
São gestos...
Pequenos gestos que ilustram sentimentos...
Os sentimentos são lidos e conhecidos no mais simples da vida...
Os pequenos gestos...
Os silêncios que só nós conseguimos ler...
O sorriso provocante...
O secar dos lábios...
Gestos...
Pequenos passos que nos fazem avançar...
Pequenas marcas que nos marcam...
Somos presos pelos gestos que mostramos...
Somos libertos pelos gestos que tentamos esconder!...

Gestos...



Uma pequena palavra...
Aquele silêncio escondido no olhar...
A carícia no teu rosto...
As entre linhas que só tu sabes ler...
O morder dos teus doces lábios!
A leveza do teu toque...
O doce olhar que tanto queres esconder...
O sorriso conquistador que teimas eu não querer revelar!...
São gestos...
Pequenos gestos que ilustram sentimentos...
Os sentimentos são lidos e conhecidos no mais simples da vida...
Os pequenos gestos...
Os silêncios que só nós conseguimos ler...
O sorriso provocante...
O secar dos lábios...
Gestos...
Pequenos passos que nos fazem avançar...
Pequenas marcas que nos marcam...
Somos presos pelos gestos que mostramos...
Somos libertos pelos gestos que tentamos esconder!...

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Dá-me...



Dá-me...
Dá-me um beijo...
Que seja forte...
E que faça desejar mais e mais...
Que seja intenso...
Como só tu lhe sabes dar aquela intensidade...
Que seja quente...
Com um calor que nos seque os lábios...
Que seja fresco...
Como uma fonte onde quero sempre ir beber...
Que seja um aconchego...
Onde o meu coração encontre o seu ancoradouro!...
Dá-me um beijo...
Que me marque o peito...
Me preencha o coração...
Me faça rebentar de amor...
Dá-me um beijo que me faça sonhar e voar!...
Dá-me...
Dá-me esse beijo que só tu sabes dar...
E que sempre me fazes desejar!...

Dá-me...



Dá-me...
Dá-me um beijo...
Que seja forte...
E que faça desejar mais e mais...
Que seja intenso...
Como só tu lhe sabes dar aquela intensidade...
Que seja quente...
Com um calor que nos seque os lábios...
Que seja fresco...
Como uma fonte onde quero sempre ir beber...
Que seja um aconchego...
Onde o meu coração encontre o seu ancoradouro!...
Dá-me um beijo...
Que me marque o peito...
Me preencha o coração...
Me faça rebentar de amor...
Dá-me um beijo que me faça sonhar e voar!...
Dá-me...
Dá-me esse beijo que só tu sabes dar...
E que sempre me fazes desejar!...

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Dá-me...



Dá-me...
Dá-me um abraço...
Que seja forte...
Mostrando a força de quem tu és...
Que me conforte...
Seja para mim o local onde me encontre...
Que me aconchegue...
E me faça desejar em teus braços sempre estar!...
Que me aqueça...
Fazendo desejar que a temperatura suba sempre mais...
Que seja simples...
Um gesto que te mostre a mim como eu sou para ti...
Dá-me um abraço...
Que não me aperte demais...
Mas do qual não me queira libertar!...

Dá-me...



Dá-me...
Dá-me um abraço...
Que seja forte...
Mostrando a força de quem tu és...
Que me conforte...
Seja para mim o local onde me encontre...
Que me aconchegue...
E me faça desejar em teus braços sempre estar!...
Que me aqueça...
Fazendo desejar que a temperatura suba sempre mais...
Que seja simples...
Um gesto que te mostre a mim como eu sou para ti...
Dá-me um abraço...
Que não me aperte demais...
Mas do qual não me queira libertar!...

domingo, 12 de dezembro de 2010

Tony Carreira...



Pela primeira vez deixo aqui um tributo ao maior artista romântico português! Sempre com letras e composições fantásticas... qui çá um destes dia voltará!...

Tony Carreira...



Pela primeira vez deixo aqui um tributo ao maior artista romântico português! Sempre com letras e composições fantásticas... qui çá um destes dia voltará!...

sábado, 11 de dezembro de 2010

I'm Alive...



Palavras para quê!!! Sinto-me viver... sinto-me vivo!!

I'm Alive...



Palavras para quê!!! Sinto-me viver... sinto-me vivo!!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Surpreende-me...



Pudesse eu ter o relógio do tempo na minha mão...
Segurar o avanço e recuo temporal...
Poder surpreender-te a toda a hora...
Estar contigo todos os segundos!...
Fazer com que os dias felizes durem eternamente!...
Não sendo um senhor do tempo...
Posso contigo partilhar esses momentos hoje..
Amanhã... e sempre...
Não preciso parar o tempo...
Apenas esperar que esse tempo seja vivido...
Seja sentido da forma intensa como sabemos viver!...
Surpreende-me...
Vive comigo momentos de prazer...
Sente a felicidade no ar e sorri!...
Queria neste momento apenas poder voar...
Para junto de ti de novo estar...
Vivendo e sentido o tempo passar...
E de forma natural para ele sorrindo...
Por tudo o que estaríamos sentindo!

Surpreende-me...



Pudesse eu ter o relógio do tempo na minha mão...
Segurar o avanço e recuo temporal...
Poder surpreender-te a toda a hora...
Estar contigo todos os segundos!...
Fazer com que os dias felizes durem eternamente!...
Não sendo um senhor do tempo...
Posso contigo partilhar esses momentos hoje..
Amanhã... e sempre...
Não preciso parar o tempo...
Apenas esperar que esse tempo seja vivido...
Seja sentido da forma intensa como sabemos viver!...
Surpreende-me...
Vive comigo momentos de prazer...
Sente a felicidade no ar e sorri!...
Queria neste momento apenas poder voar...
Para junto de ti de novo estar...
Vivendo e sentido o tempo passar...
E de forma natural para ele sorrindo...
Por tudo o que estaríamos sentindo!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Sonhos...



Quando fixo o meu olhar no teu...
Vejo-me nele a sorrir...
Sinto os sonhos que vivem em mim...
Vejo-te sorrir...
Sinto-te feliz...
Os sonhos são pontes para a vida...
São desejos e anseios...
Os sonhos são mais do que meros devaneios...
És tu a comunicar dentro de mim...
Olho-te bem fundo no olhar...
Tão fundo que a tua alma consigo observar...
Nela me consigo encontrar...
Observo os teus olhos...
Tão próximo que sinto a tua respiração...
O teu calor entrar pelas minhas narinas...
Aquece-me o interior..
Incendeia o meu coração...
Leva-me para lá dos sonhos...
Faz-me viver essa realidade...
A felicidade que mora no teu olhar...
Sonhos são asas com as quais quero voar...
E de uma vez por todas...
Poder de olhos abertos ao teu lado sonhar!...

Sonhos...



Quando fixo o meu olhar no teu...
Vejo-me nele a sorrir...
Sinto os sonhos que vivem em mim...
Vejo-te sorrir...
Sinto-te feliz...
Os sonhos são pontes para a vida...
São desejos e anseios...
Os sonhos são mais do que meros devaneios...
És tu a comunicar dentro de mim...
Olho-te bem fundo no olhar...
Tão fundo que a tua alma consigo observar...
Nela me consigo encontrar...
Observo os teus olhos...
Tão próximo que sinto a tua respiração...
O teu calor entrar pelas minhas narinas...
Aquece-me o interior..
Incendeia o meu coração...
Leva-me para lá dos sonhos...
Faz-me viver essa realidade...
A felicidade que mora no teu olhar...
Sonhos são asas com as quais quero voar...
E de uma vez por todas...
Poder de olhos abertos ao teu lado sonhar!...

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Apetece-me...



Apetece-me... sorrir...
Porque sinto a felicidade preencher todo o meu ser...
Apetece-me... abraçar-te...
Sentir o teu corpo colado no meu...
Os dois fundindo-se num só...
Apetece-me... amar-te...
Fazer de ti a minha passagem para o paraíso...
Apetece-me... deliciar-me no teu corpo...
Banquetear-me em todos os sabores...
Repetindo vezes sem conta essa fabulosa refeição!...
Apetece-me... beijar-te...
Saborear o doce mel dos teus lábios...
Sentir o calor da tua boca...
Apetece-me... arrepiar-te...
Sentir-te descontrolar...
Arrepiar de prazer em cada célula do teu corpo...
Apetece-me... viver...
E em ti sinto-me vivo...
Sinto alegria...
O sorriso permanente...
O sonho de um novo dia...
Sempre contigo a meu lado!...
Apetece-me fazer muitas coisas...
Todas elas partilhadas contigo...
Pois tu és parte dos meus desejos e sonhos!...
Quer queiras ou não...
És parte da minha vida!...

Apetece-me...



Apetece-me... sorrir...
Porque sinto a felicidade preencher todo o meu ser...
Apetece-me... abraçar-te...
Sentir o teu corpo colado no meu...
Os dois fundindo-se num só...
Apetece-me... amar-te...
Fazer de ti a minha passagem para o paraíso...
Apetece-me... deliciar-me no teu corpo...
Banquetear-me em todos os sabores...
Repetindo vezes sem conta essa fabulosa refeição!...
Apetece-me... beijar-te...
Saborear o doce mel dos teus lábios...
Sentir o calor da tua boca...
Apetece-me... arrepiar-te...
Sentir-te descontrolar...
Arrepiar de prazer em cada célula do teu corpo...
Apetece-me... viver...
E em ti sinto-me vivo...
Sinto alegria...
O sorriso permanente...
O sonho de um novo dia...
Sempre contigo a meu lado!...
Apetece-me fazer muitas coisas...
Todas elas partilhadas contigo...
Pois tu és parte dos meus desejos e sonhos!...
Quer queiras ou não...
És parte da minha vida!...

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Para ti...



Pessoalmente adoro o teu sorriso...
A maneira simples do teu viver...
Transpareces alegria e felicidade...
Rejubila todo o meu ser quando estou na tua presença...
Iluminas os meus dias com a doçura do teu olhar...
Contigo saboreio banquetes de felicidade e prazer... 
Incendeias o meu coração com o sabor do teu beijar!...
Alimentas a minha felicidade com o teu viver!...

Queria poder dar-te uma estrela...
Unicamente para que deixasse de invejar o teu brilho...
Estrela que ultrapasse a tua luz não há!...
Roubaria a flor mais perfumada...
Outro aroma como o teu não conheço!...

Tenho o desejo de em teu corpo me perder...
Elevar-me contigo nos momentos de paixão!...

Para ti...



Pessoalmente adoro o teu sorriso...
A maneira simples do teu viver...
Transpareces alegria e felicidade...
Rejubila todo o meu ser quando estou na tua presença...
Iluminas os meus dias com a doçura do teu olhar...
Contigo saboreio banquetes de felicidade e prazer... 
Incendeias o meu coração com o sabor do teu beijar!...
Alimentas a minha felicidade com o teu viver!...

Queria poder dar-te uma estrela...
Unicamente para que deixasse de invejar o teu brilho...
Estrela que ultrapasse a tua luz não há!...
Roubaria a flor mais perfumada...
Outro aroma como o teu não conheço!...

Tenho o desejo de em teu corpo me perder...
Elevar-me contigo nos momentos de paixão!...

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Apaixonado...




Como descrever este estado de felicidade...
Como ilustrar tudo que me fazes sentir...
Tu és quem me faz sorrir...
És a flor mais rara e preciosa no meu jardim...
A estrada que quero percorrer...
O mar onde me quero banhar...
A estrela maior que quero a brilhar no meu céu!...
O teu sorriso encanta o meu olhar...
Em teus lábios me quero perder...
No teu olhar quer poder sonhar...
E este estado de felicidade contigo viver...
Estou apaixonado...
Por ti estou enamorado...
Sim!... tu que me provocas...
Que me incendeias o coração...
Que aceleras a minha respiração...
Por ti estou apaixonado...
E este estado de felicidade quero viver contigo a meu lado!...

Apaixonado...




Como descrever este estado de felicidade...
Como ilustrar tudo que me fazes sentir...
Tu és quem me faz sorrir...
És a flor mais rara e preciosa no meu jardim...
A estrada que quero percorrer...
O mar onde me quero banhar...
A estrela maior que quero a brilhar no meu céu!...
O teu sorriso encanta o meu olhar...
Em teus lábios me quero perder...
No teu olhar quer poder sonhar...
E este estado de felicidade contigo viver...
Estou apaixonado...
Por ti estou enamorado...
Sim!... tu que me provocas...
Que me incendeias o coração...
Que aceleras a minha respiração...
Por ti estou apaixonado...
E este estado de felicidade quero viver contigo a meu lado!...

domingo, 5 de dezembro de 2010

Delfins...



Olhar o céu azul e sorrir... não é fácil neste altura do ano e com este mau tempo... mas torna-se fácil... basta acreditar!

Delfins...



Olhar o céu azul e sorrir... não é fácil neste altura do ano e com este mau tempo... mas torna-se fácil... basta acreditar!

sábado, 4 de dezembro de 2010

Susana Félix...


Lindo este tema para todos aqueles que se sintam leves o suficiente para flutuar!!...Ouçam e apreciem a voz e o poema desta música!

Susana Félix...


Lindo este tema para todos aqueles que se sintam leves o suficiente para flutuar!!...Ouçam e apreciem a voz e o poema desta música!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Mel...



O doce mel que me deste a provar...
No brilho desse teu puro olhar...
Fez-me abrir as portas e deixar-te entrar...
Neste coração pronto para te amar!...
Os doces olhos que tanto gosto poder ver...
São inspiração para que possa escrever...
Palavras simples do meu modesto viver...
E a todo o mundo te dar a conhecer!...
O teu olhar é mel que quero provar...
Tão doce que me faz sonhar...
Quando a tua ausência me faz sentir...
Tantas saudades capazes de meu coração partir...
Sinto a tua ausência...
Aquela que dói...
Mata mais que uma bala...
Mas que logo é curada...
Quando o teu mel de novo posso provar!...

Mel...



O doce mel que me deste a provar...
No brilho desse teu puro olhar...
Fez-me abrir as portas e deixar-te entrar...
Neste coração pronto para te amar!...
Os doces olhos que tanto gosto poder ver...
São inspiração para que possa escrever...
Palavras simples do meu modesto viver...
E a todo o mundo te dar a conhecer!...
O teu olhar é mel que quero provar...
Tão doce que me faz sonhar...
Quando a tua ausência me faz sentir...
Tantas saudades capazes de meu coração partir...
Sinto a tua ausência...
Aquela que dói...
Mata mais que uma bala...
Mas que logo é curada...
Quando o teu mel de novo posso provar!...

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Arrepia-me...



Beija-me...
Beija-me loucamente até que meu corpo estremeça...
Beija-me...
Faz-me teu e leva-me ao mundo só teu...
Ao mundo que seja só nosso...
Beija-me loucamente e faz-me sonhar...
Faz-me sentir o teu corpo tocar no meu...
Sussurrar no teu ouvido palavras doces que te façam arrepiar...
Que a tua pele dê sinal da minha presença...
Que a tua boca se seque de desejo e prazer...
Beija-me como só tu o podes fazer...
Faz com que não me consiga conter...
E em teu corpo me entregue!...
Sinta o teu calor...
O teu corpo húmido de desejo...
O prazer crescente nos nossos olhares...
Beija-me... 
Aí mesmo onde sabes que me vais arrepiar...
Onde sabes que me vais descontrolar...
Quero-te... sim agora mesmo...
O meu corpo anseia pelo teu...
Delicadamente sobre este leito te deito..
E nele te quero...
Sentir gemer de prazer...
A cada toque suave na tua pele...
A cada beijo no teu pescoço...
A cada entrada no teu corpo...
Vamos viajar neste corpo de prazer...
Seguindo as linhas do desejo...

Arrepia-me...



Beija-me...
Beija-me loucamente até que meu corpo estremeça...
Beija-me...
Faz-me teu e leva-me ao mundo só teu...
Ao mundo que seja só nosso...
Beija-me loucamente e faz-me sonhar...
Faz-me sentir o teu corpo tocar no meu...
Sussurrar no teu ouvido palavras doces que te façam arrepiar...
Que a tua pele dê sinal da minha presença...
Que a tua boca se seque de desejo e prazer...
Beija-me como só tu o podes fazer...
Faz com que não me consiga conter...
E em teu corpo me entregue!...
Sinta o teu calor...
O teu corpo húmido de desejo...
O prazer crescente nos nossos olhares...
Beija-me... 
Aí mesmo onde sabes que me vais arrepiar...
Onde sabes que me vais descontrolar...
Quero-te... sim agora mesmo...
O meu corpo anseia pelo teu...
Delicadamente sobre este leito te deito..
E nele te quero...
Sentir gemer de prazer...
A cada toque suave na tua pele...
A cada beijo no teu pescoço...
A cada entrada no teu corpo...
Vamos viajar neste corpo de prazer...
Seguindo as linhas do desejo...

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Só tu...



Só tu...

... me fazes sorrir daquela forma que muitos apelidam de "sorriso estúpido"...

... me fazes sorrir sempre que o telemóvel toca ou vibra...

... me fazes olhar para o telemóvel de 5 em 5minutos...

... me fazes sentir arrepios de prazer...

... me fazes tremer mesmo sem ter frio algum...

... fazes a luz da minha vida brilhar de forma mais forte e intensa!...

... me fazes sentir tão bem e tão feliz na vida...

... me fazes sonhar...

... me fazes sentir ser capaz de voar...

... me fazes desejar beijar-te debaixo de uma chuvada...

... me fazes viver...

... só tu me fazes sentir esta saudade permanente quando contigo não estou!...

Só tu...



Só tu...

... me fazes sorrir daquela forma que muitos apelidam de "sorriso estúpido"...

... me fazes sorrir sempre que o telemóvel toca ou vibra...

... me fazes olhar para o telemóvel de 5 em 5minutos...

... me fazes sentir arrepios de prazer...

... me fazes tremer mesmo sem ter frio algum...

... fazes a luz da minha vida brilhar de forma mais forte e intensa!...

... me fazes sentir tão bem e tão feliz na vida...

... me fazes sonhar...

... me fazes sentir ser capaz de voar...

... me fazes desejar beijar-te debaixo de uma chuvada...

... me fazes viver...

... só tu me fazes sentir esta saudade permanente quando contigo não estou!...

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Abraço...



Abraço o teu corpo desnudado...
Sinto o teu calor queimar a minha pele...
Não me afasto... 
Quero arder nesse calor...
Sentir os lábios secar de prazer...
O corpo arquear de desejo...
Abro o meu coração para ti...
Sinto-te entrar nele...
Acendes de novo a chama do amor...
Quero-te...
Desejo-te...
Provar o teu néctar...
Beber do teu cálice...
Embebedar-me no teu amor...
Deixar os nossos corpos libertos de pudor...
E simplesmente viver a vida com este calor...
Que me faz viver...
Me leva a sentir...
E me faz pedir...
Que amanhã sinta de novo o teu calor...
A tua chama descontrolar a minha...
Que perca o controlo e sejamos descontrolados!...
No calor do nosso abraço...
Sinto o desejo...
A vontade...
De contigo caminhar...
Seguindo trilho nunca antes traçado...
Apenas dando a cada dia um novo passo!...

Abraço...



Abraço o teu corpo desnudado...
Sinto o teu calor queimar a minha pele...
Não me afasto... 
Quero arder nesse calor...
Sentir os lábios secar de prazer...
O corpo arquear de desejo...
Abro o meu coração para ti...
Sinto-te entrar nele...
Acendes de novo a chama do amor...
Quero-te...
Desejo-te...
Provar o teu néctar...
Beber do teu cálice...
Embebedar-me no teu amor...
Deixar os nossos corpos libertos de pudor...
E simplesmente viver a vida com este calor...
Que me faz viver...
Me leva a sentir...
E me faz pedir...
Que amanhã sinta de novo o teu calor...
A tua chama descontrolar a minha...
Que perca o controlo e sejamos descontrolados!...
No calor do nosso abraço...
Sinto o desejo...
A vontade...
De contigo caminhar...
Seguindo trilho nunca antes traçado...
Apenas dando a cada dia um novo passo!...

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Amar...



Amar... é cuidar de quem mais gostamos...
Querer o seu bem estar...
O seu sorriso permanente...
As palavras doces expressão de felicidade...
Amar... é mimar carinhosamente...
Fazer sentir as suaves carícias...
Sussurrar junto do teu ouvido...
Abraçar o teu corpo como um tesouro...
Amar... é desejar...
O teu corpo...
A tua entrega...
A tua companhia permanente...
Amar... é querer mais e mais...
Sentindo a satisfação e a felicidade...
A alegria crescer no interior do meu peito...
A vontade de gritar ao mundo o teu nome...
Amar... é...
Mais do que olharmos apenas um para o outro...
É cruzarmos o nosso olhar no horizonte comum...
Observando o pôr-do-sol...
Amar...
Muito mais do que as palavras possam sentir...
São os sentimentos que nos fazem sorrir...
Aquele sorriso estúpido que não sabemos esconder...
Que não queremos fazer desaparecer...
Amar é a força que faz mover o mundo...
A energia que sustenta os mais fracos...
O poder dos mais fortes e apaixonados!...