quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Queria...

 

Queria...

... neste momento poder largar este fruto da modernidade e poder correr na tua direcção...

Queria...

... ter asas, poder levantar voo e partir... partir para junto de ti...

Queria...

... ser capaz de manipular o tempo e assim poder estar sempre contigo...

Queria... 

... ser o sol... iluminar e aquecer todos os teus dias...

Queria...

... deixar de conjugar os verbos que apenas formulam desejos...

E por isso eu quero...
Eu quero ser parte da tua felicidade...
Estando sempre contigo como é minha vontade...
Partilhando e vivendo uma plena verdade...
Aquela que nos uniu e nos une na mais pura simplicidade...
Eu quero o que sempre quis...
Ser e fazer alguém muito feliz!...

2 comentários:

leonel disse...

Eu queria e ainda continuo querendo tudo isso, e, um tanto mais. Talvez eu seja um sonhador, um homem envolto por uma utópica atmosfera de desejos. Mas, o que fazer? O que fazer quando se quer tanto alguém, em meio a tantas dificuldades que nos cercam?

Gosto daqui. Não o conhecia, o vento me trouxe. Vento bom, vento amigo!

Sigo-te.

Abraço

Caroteno disse...

Leonel,

Dou-te as boas vindas aqui à cidade... A vida é cheia de sonhos...sonhos que devemos procurar... não classifico como utopias, mas sim sonhos a alcançar...

Volta sempre,

Abraço