quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Amor...



O meu amor é somado...
Jamais será subtraído!...
Nunca será esquecido...
E dia-a-dia aumentado!...
O meu amor é multiplicado...
Mas contigo será sempre dividido!...
O meu amor não se anula...
Aumenta exponencialmente se for cultivado...
O amor não tem limite...
Nunca tende para zero...
Sendo crescente até ao infinito!...
Na matemática do amor...
O amor é elevado ao quadrado...
A saudade a solução da equação...
Que abre qualquer coração!...
O meu amor por ti surgiu na simplicidade de um sorriso...
Na abertura de um coração puro...
Amor eu sinto...
Amor eu vivo!...
Amor contigo quero sempre partilhar!...

1 comentário:

António Luís disse...

E de repente, voltei à cidade e vi que continuas vivo e bem!

Bom 2011 para ti e para a Cidade dos Anjos!

Abraço.