sábado, 10 de dezembro de 2011

Basta...



O tempo de caminhar passou...
Nos pensamentos me fui afundando...
Chega de querer viver o que o tempo levou...
A realidade é o que está mesmo acontecendo...
Hoje decidi que é tempo de dizer basta!...
Ao acordar senti que era tempo de fechar portas...
Fazer da minha estrada a viagem...
Sinto as mãos mais pesadas...
A escrita não flui como dantes...
O tempo não é de parar...
Mas sim de aos céus em breve voltar...
Hoje volto ao ser livre...
Volto a sentir as gotas de chuva no rosto...
O raio de sol a iluminar-me os pés...
E, neste amanhecer para a vida...
Não sei mais se te quero...
Muito pouco ou mesmo nada...
Sei apenas que é tempo de dizer basta!
Em tempos fomos dois pássaros livres...
Voando pelos céus...
Hoje não quero pensar...
Apenas erguer as asas e voar!...

Sem comentários: