quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Sombras...


O amor verdadeiro...
Uma preciosidade difícil de encontrar...
Por isso quando se tem...
Por nada se quer trocar...
O amor verdadeiro...
Uma entrega sem olhar a quando...
Sem pensar no onde...
Vivendo apenas essa entrega...
Um amor verdadeiro...
Que não se deixa amedrontar...
Que não treme na presença das sombras...
Aquelas que interrompem o seu fortalecimento!...
Um amor verdadeiro...
Não sou eu... não és tu...
É a partilha do nós...
O viver sem medo das sombras!...

Sem comentários: