quinta-feira, 28 de junho de 2012

(Im)perfeito...




Tenho muitos medos…
Tenho algumas inseguranças…
Tenho marcas profundas na pele…
Tenho cicatrizes que vincam o meu coração…
Não sou perfeito…
Não me querias perfeito…
Pois que será amar…
O acarinhar das imperfeições…
O recolher de todos os meus medos…
E o acalentar das minhas inseguranças…
Serei a perfeita imperfeição…
Ou serei a imperfeita perfeição…
Sou o homem…
E se for aquele a quem queres amar…
Então eu te mostrarei o que é amar…
Te acolherei no meu coração…
Farás a tua morada na minha paixão…
Eu te farei tremer de desejo…
Nos meus imperfeitos excessos…
Evitando todos os olhares profundos e tristes…
Sou um completo imperfeito…
Mas que na perfeição do que é amar…
Quer contigo poder estar!...

Sem comentários: