sábado, 18 de agosto de 2012

Olhar...



O simples olhar que em si tanto revela...
Mostrando quem és, mesmo em segredo...
São cristalinos e da alma uma janela...
Irradiam alegria, confiança e nunca medo...
As palavras ditas no silêncio de um olhar...
Ecoam até ao mais profundo da alma...
Elas que nos dão a conhecer e a sonhar...
Nos fazem viajar sem nunca perder a calma...
Olhar que sempre será o espelho sincero...
De tudo o que na vida para sempre quero...
Recheada de momentos a não esquecer...
Pois só assim faz sentido querer viver...
O olhar que me assalta, seduz e desarma...
Que no seu interior prende a minha atenção...
Intriga-me o perfume que dele se derrama...
Sinto-o preencher a batida do meu coração... 
  


Sem comentários: