terça-feira, 2 de outubro de 2012

Silêncio(s)...



Hoje desafiei o meu pensamento...
A descrever o silêncio neste momento...
Ficou mudo e sem palavras para dizer...
Não esperei que tal pudesse acontecer...
Neste instante silencioso eu pude criar...
Dramas, sonhos, festas pude inventar...
Nos silêncios ouvi os gritos mudos...
Insistindo em chamar a atenção...
Dos ouvidos que teimam em ser surdos...
Querendo negar a existência da razão...
Nos silêncios eu gosto de poder viajar...
Sem que para tal necessite de falar...
Hoje desafiei este silêncio improvável...
Criado e alimentado no meio da multidão...
Onde descrever o que pode ser impensável...
Pode não passar de uma simples ilusão...

Sem comentários: