sábado, 8 de dezembro de 2012

Passos...



Um passo em frente
Um gesto de confiança
Numa rota diferente
Passos dados devagar
Com alegria e esperança
Assim é o meu andar

Por muito que seja difícil
Sei que estou a conseguir
A vida foi comigo dócil
E por isso vou aproveitar
Olhar em frente e sorrir
E para trás jamais voltar.

Mais um passo que foi dado
Nesta imensa e extensa viagem
Passo seguro e equilibrado
Não por ter medo de cair
Mas para não fazer viragem
De volta para onde estava a partir.

Passos...



Um passo em frente
Um gesto de confiança
Numa rota diferente
Passos dados devagar
Com alegria e esperança
Assim é o meu andar

Por muito que seja difícil
Sei que estou a conseguir
A vida foi comigo dócil
E por isso vou aproveitar
Olhar em frente e sorrir
E para trás jamais voltar.

Mais um passo que foi dado
Nesta imensa e extensa viagem
Passo seguro e equilibrado
Não por ter medo de cair
Mas para não fazer viragem
De volta para onde estava a partir.

domingo, 2 de dezembro de 2012

Memórias...




Eu sou feito de memórias
Memórias do que fui e sou
São baratas e belas histórias
Os sonhos que me alimentam
Que mostram tudo o que passou
Combatem os medos que se apresentam

Eu sou feito de memórias
Lições que me mostram a vida
Umas verdadeiras outras ilusórias
Cada uma com seu valor e significado
À sua maneira e fortemente sentida
Mostram parte do que foi passado

Eu sou feito de memórias
Que me sustem a respiração
Alimentam-me as euforias
São elas que me fazem sonhar
Em busca de uma paixão
Que me coloque no céu a voar!

Memórias...




Eu sou feito de memórias
Memórias do que fui e sou
São baratas e belas histórias
Os sonhos que me alimentam
Que mostram tudo o que passou
Combatem os medos que se apresentam

Eu sou feito de memórias
Lições que me mostram a vida
Umas verdadeiras outras ilusórias
Cada uma com seu valor e significado
À sua maneira e fortemente sentida
Mostram parte do que foi passado

Eu sou feito de memórias
Que me sustem a respiração
Alimentam-me as euforias
São elas que me fazem sonhar
Em busca de uma paixão
Que me coloque no céu a voar!

sábado, 1 de dezembro de 2012

Abraça-me...



Abraça-me com os olhos teus
Incendeia os meus sentidos
Toca todos os poros meus
Provoca em mim sensações
Recuperemos tempos perdidos
Libertemos as puras emoções.

Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com os teus lábios
Vem humedecer a minha boca
Nunca descrito pelos mais sábios
O pulsante e eterno pecado
Que é poder deixar-te louca
Quando o teu coração é tocado.


Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com os teus braços
Vem envolver-me docemente
Tu sabes o mais forte dos feitiços
Que faz o meu ser voar e sonhar
Senti o pulsar quente e intensamente
O teu corpo desejar para amar


Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com todo o teu ser
Vem comigo viajar e desejar
Os nossos corpos apenas um fazer
Numa dança plena de frenesim
Vamos sentir nossos corpos suar
Numa entrega poderosa e sem fim!... 



Abraça-me...



Abraça-me com os olhos teus
Incendeia os meus sentidos
Toca todos os poros meus
Provoca em mim sensações
Recuperemos tempos perdidos
Libertemos as puras emoções.

Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com os teus lábios
Vem humedecer a minha boca
Nunca descrito pelos mais sábios
O pulsante e eterno pecado
Que é poder deixar-te louca
Quando o teu coração é tocado.


Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com os teus braços
Vem envolver-me docemente
Tu sabes o mais forte dos feitiços
Que faz o meu ser voar e sonhar
Senti o pulsar quente e intensamente
O teu corpo desejar para amar


Abraça-me e vem sentir o meu corpo
Deixa-me desvendar os teus sonhos
Partilhar contigo profundos momentos
Dar a liberdade aos intensos sentimentos

Abraça-me com todo o teu ser
Vem comigo viajar e desejar
Os nossos corpos apenas um fazer
Numa dança plena de frenesim
Vamos sentir nossos corpos suar
Numa entrega poderosa e sem fim!...